pre parto, gravidez, pos parto

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

mamã tranquila

Vamos falar de preparação para o parto, parto, recém-nascido e todo o tipo de assuntos relacionados com este tema...

mamã tranquila

Vamos falar de preparação para o parto, parto, recém-nascido e todo o tipo de assuntos relacionados com este tema...

GRAVIDEZ


Mamã Tranquila

28.03.18

sequencia-cópia-alta (1).jpg

GRAVIDEZ – 4 A 8 SEMANAS

 

Por esta altura, surgem os primeiros sintomas associados à gravidez. Ao longo das próximas semanas, acontecem diversas alterações hormonais. À medida que o embrião cresce e se desenvolve, o nosso corpo trabalha e adapta-se às necessidades nutricionais do embrião e ao crescimento no útero.

SINTOMAS DA GRAVIDEZ, entre os mais frequentes:

AUSÊNCIA DE MENSTRUAÇÃO

Quando se está grávida, os ovários cessam a produção de  óvulos e o ciclo fica suspenso até ao nascimento do bebé.

NÁUSEAS E VÓMITOS

As náuseas e vómitos nas primeiras semanas são muito comuns, entre 50 a 90% das grávidas tendem a ter.

As náuseas e vómitos aparecem por volta das 5-6 semanas e desaparecem após as 12-16 semanas. No entanto, algumas mulheres podem ter este sintoma até ao final da

TENSÃO MAMÁRIA

O aumento da produção hormonal – hormonas HCG (Gonadotrofina Coriónica Humana), progesterona e estrogénios – provoca o aumento da sensibilidade mamária. As mamas ficam mais tensas, firmes e dolorosas. Podemos notar um aumento do seu tamanho.

CANSAÇO

Durante o primeiro trimestre podemos nos sentir mais cansadas e sonolentas. Normalmente melhora no segundo trimestre.

Nesta altura devemos ter a primeira consulta com o médico de família ou com um obstetra.

 

DESENVOLVIMENTO DO BEBÉ

Por volta das 5-6 semanas já é possível observar os batimentos cardíacos do pequeno embrião. A frequência cardíaca do embrião anda entre os 120 e 160 batimentos por minuto.

Semana 8 –  o embrião tem um tamanho aproximado de um feijão.

 

GRAVIDEZ – 8 A 12 SEMANAS

 

O NOSSO CORPO, SINTOMAS E EXAMES

Até às 12 semanas, podemos continuar a náuseas e vómitos. A tensão mamária poderá ter diminuído.

Durante o primeiro trimestre, fase mais delicada do desenvolvimento embrionário, devemos manter ou iniciar a toma de ácido fólico.

Entre as 11 semanas e as 13 semanas faz-se a primeira ecografia da gravidez 

Opcionalmente, ser realizado o teste de rastreio da Síndrome de Down ou Trissomia 21, também designado rastreio combinado do primeiro trimestre, rastreio bioquímico ou rastreio pré-natal.

 

DESENVOLVIMENTO DO BEBÉ

  • Às 10 semanas, o embrião tem uma forma cada vez mais humana, com cabeça, tronco e membros. Como a cabeça ainda é desproporcionada em relação ao corpo,
  • O bebé já se movimenta e os órgãos continuam a desenvolver-se;
  • Os dedos começam a formar-se e os ossos a definirem-se. Os órgãos genitais externos também estão em formação.

Às 12 semanas, o embrião passa a chamar-se feto e tem o tamanho aproximado de uma lima.

 GRAVIDEZ – 12 A 16 SEMANAS

O período mais sensível do desenvolvimento embrionário está ultrapassado. A partir desta fase, o feto começa a crescer e a ganhar peso e, em breve, a roupa deixará de servir principalmente na cintura.

A partir das 16-18 semanas, as necessidades de ferro aumentam e o médico poderá ponderar a sua suplementação em conjunto com o ácido fólico.

 

DESENVOLVIMENTO DO BEBÉ

  • A cabeça ainda é maior que o corpo;
  • O rosto começa a ser modelado;
  • Os genitais externos estão definidos;
  • O sistema nervoso está em desenvolvimento;
  • O aparelho urinário está formado e começa a produzir urina
  • O feto já é capaz de engolir o líquido amniótico;

Semana 16 –  tem o tamanho aproximado de uma pera abacate.

 

GRAVIDEZ – 16 A 20 SEMANAS

 

O NOSSO CORPO, SINTOMAS E EXAMES

Por volta das 18 semanas pode-se começar a sentir os primeiros movimentos do bebé. No entanto, nem todas as mães sentem os seus bebés no mesmo período. Podendo baralhar esses movimentos com os intestinais e não se notar que é o bebé a mexer-se.

 

DESENVOLVIMENTO DO BEBÉ

  • Começam a surgir os primeiros pêlos;
  • Todos os órgãos internos de feto estão formados;
  • O feto movimenta-se com facilidade:

Semana 20 –  tem o tamanho aproximado de uma banana.

 GRAVIDEZ – 20 A 24 SEMANAS

O NOSSO CORPO, SINTOMAS E EXAMES

A barriga cresceu e mais do que nunca todos vêm que estamos grávidas. O útero estende-se até à altura do umbigo.

Entre as 20-22 semanas temos a segunda ecografia da gravidez ou ecografia morfológica. Esta ecografia é uma das mais importantes da gestação porque permite ao técnico avaliar as estruturas anatómicas do bebé e detetar eventuais malformações.

É nesta ecografia que se consegue desvendar o sexo do bebé a não ser que ele malandreco se coloque de uma forma que não possibilite tirar conclusões.

 

DESENVOLVIMENTO DO BEBÉ

  • O bebé desenvolve ciclos de sono e vigília próprios e independentes dos da mãe;
  • A cabeça torna-se cada vez mais proporcional comparativamente ao tronco e membros;
  • Começam a surgir as sobrancelhas e os cabelos;

Semana 24 –  tem o tamanho aproximado de uma maçaroca de milho.

 GRAVIDEZ – 24 A 28 SEMANAS

Nesta altura, já conseguimos sentir os movimentos do bebé sem qualquer dúvida. A barriga cresce visivelmente e é um orgulho.

Podemos sentir as pernas mais cansadas e pesadas. O uso de meias de compressão ajuda a diminuir o desconforto e tem uma ação preventiva dos derrames e varizes.

É normal que nesta altura, já não termos uma posição para dormir e acordar várias vezes durante a noite para ir à casa de banho.

Experimentar dormir deitada com uma almofada entre as pernas para ajustar a posição das pernas face ao útero.

 

DESENVOLVIMENTO DO BEBÉ

  • Os sentidos estão em desenvolvimento: audição, tato, olfato e paladar;
  • O bebé começa a engordar e a acumular gordura por baixo da pele;
  • Reage a estímulos externos (música, voz, luz intensa);

 

Semana 28 –   tem o tamanho aproximado de uma beringela grande.

 

GRAVIDEZ – 28 A 32 SEMANAS

 

À medida que o peso e o volume da barriga aumentam e o cansaço se acumulada

É natural que começar a sentir as contrações de Braxton-Hicks, ou falsas contrações, que preparam o seu corpo para o grande dia.

 

DESENVOLVIMENTO DO BEBÉ

  • O bebé pode dar a volta, virando-se de cabeça para baixo;
  • O cérebro contínua a desenvolver-se;
  • Os pulmões estão mais maduros Os ossos estão completamente desenvolvidos;
  • A quantidade de líquido amniótico vai diminuindo e o feto ocupa cada vez mais espaço;
  • A medula óssea substitui o fígado e o baço na produção de glóbulos vermelhos;
  • Reage a estímulos sonoros, à dor, sabores e cheiros;
  • Abre e fecha os olhos;

Semana 32 – tem o tamanho aproximado de uma meloa.

 

 GRAVIDEZ – 32 A 36 SEMANAS

Nesta fase, o aumento de peso pode provocar o cansaço ao fim do dia  e pés inchado. Podemos sentir dificuldade em dormir por não ter posição para adequar a posição da barriga.

 

DESENVOLVIMENTO DO BEBÉ

  • Nos pulmões, os alvéolos estão em desenvolvimento;
  • A maioria dos órgãos estão a funcionar;
  • Os ossos tornam-se mais espessos e alongados;
  • O sistema imunológico está em desenvolvimento;
  • O bebé produz mecónio (substância líquida esverdeada que será eliminada do intestino do bebé depois do nascimento);
  • O bebé reconhece a voz da mãe;
  • Os movimentos são frequentes e amplos;

Semana 36 – tem o tamanho aproximado de uma melancia

 GRAVIDEZ – 36 A 40 SEMANAS

Ás 38 semanas o bebé está preparado para nascer a qualquer momento.

 

DESENVOLVIMENTO DO BEBÉ

O bebé mede cerca de 50 centímetros e pesa pouco mais de três quilos.

Semana 40 – tem o tamanho aproximado de uma abóbora menina.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D