pre parto, gravidez, pos parto

Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mamã tranquila

Vamos falar de preparação para o parto, parto, recém-nascido e todo o tipo de assuntos relacionados com este tema...

mamã tranquila

Vamos falar de preparação para o parto, parto, recém-nascido e todo o tipo de assuntos relacionados com este tema...

Mamas, maminhas, mamocas


Mamã Tranquila

24.03.18

como-cuidar-dos-seios-durante-a-gravidez_28588_l.j

MAMAS MAIS VOLUMOSAS,É UM DOS PRIMEIROS SINAIS DE GRAVIDEZ. ALGUMAS MULHERES ESTÃO FELIZES POR ISSO, e os maridos também, OUTRAS NEM por isso…

MAS, EM TODO O CASO, PRECISAMOS DE CUIDAR DELAS E DAS SUAS MODIFICAÇÕES DE TAMANHO QUE DANIFICAM A FIRMEZA, DESDE OS PRIMEIROS DIAS DE GESTAÇÃO.

 

A natureza sabe o que faz, desde o início da gravidez, as alterações hormonais aumentam o tamanho das condutas e das glândulas das mamas para prepará-las para a amamentação. Como consequência, as mamocas evoluem, a sua rede de veias azuladas tornam-se mais percetíveis, a pigmentação em volta do mamilo pode tornar-se mais intensa e uma sensação de tensão emerge, podendo ser por vezes dolorosa. Tudo completamente normal.

Também é normal, dependendo do nível hormonal, o tamanho das mamas aumentar, dependendo de mulher para mulher. As mudanças são ligeiras em algumas grávidas e muito expressivas para outras, mas as vossas mamas irão atingir o seu volume máximo alguns dias após o parto, com a descida do leite.

As mamas não são sustentadas por nenhum músculo, a sua manutenção depende da tonicidade da sua pele. Esta vai ser posta à prova durante os nove meses.

 O aumento abrupto do volume da mama prejudica a elasticidade da pele e ao mesmo tempo causa desconforto.

Assim, desde o início da gravidez e até terminar a amamentação é fundamental cuidar muito bem dessas maminhas, massajando-o com um cuidado específico.

Este ritual de beleza diário protegerá a elasticidade da pele e vai estimular a produção de fibra, oferecendo um efeito de hidratação mais profunda e acalmando a reatividade da pele causada pela alteração de volume.

Cuidar regularmente, das vossas mamas escolhendo fórmulas adequadas à gravidez, que excluam ingredientes desaconselhados (parabenos, ftalatos, fenoxietanol, cafeína, bisfenol A e S, álcool) e que sejam compatíveis com a amamentação, se necessário.

No que se refere a massagem, esta deve ser feita suavemente em torno das mamas, de dentro para fora, deslocando-se gradualmente para cima na direção do pescoço. Como um procedimento preventivo, este ritual pode ser em conjunto com um cuidado para a prevenção das estrias, pois as mamas apresentam grande tendência para as desenvolver devido às mudanças hormonais e a distensão súbita da pele. 

Devido às leis da gravidade, as vossas mamocas que estão cada vez maiores tendem a puxar o busto para a frente.

 Uma postura encurvada irá danificar o tónus muscular peitoral, levando a dores nas costas. Além de usar um cuidado específico, não se esqueçam de adotar uma postura corporal correta, para evitar a tensão mamária, no pescoço e nos músculos superiores das costas.

 Para tonificar os músculos, pratiquem o seguinte exercício durante alguns minutos por dia:

 - com os cotovelos à altura dos ombros, pressione as palmas das mãos juntas enquanto inspira, mantenha a pressão durante três segundos, descontrair enquanto expira e repitir o exercício cerca de quinze vezes.

 

Vão ficar com umas mamocas 5 estrelas...

Barriguinha hidratada


Mamã Tranquila

24.03.18

meses-gravidez.jpg

Na gravidez, a pele da mamã pode ser colocada à prova, principalmente devido às alterações hormonais e ao aumento de peso.

No entanto, cada gravidez é única, e as alterações fisiológicas na pele podem até passar despercebidas ou serem nulas.

Embora a nossa pele ser naturalmente flexível, o aumento de peso e as alterações hormonais que a gravidez provoca impõem dela uma maior elasticidade. 

As estrias resultam do estiramento da pele para além dos seus limites, sobretudo quando este estiramento ocorre de forma rápida. Barriga, seios, nádegas e coxas são as áreas mais afetadas. Para além de uma boa vigilância da gravidez, com o controlo da evolução ponderal, o cuidado essencial para prevenir as estrias passa por garantir uma boa hidratação da pele.

Numa primeira fase da gravidez, o creme hidratante deve ser aplicado pelo menos uma vez por dia.

Depois do hidratante, deve aplicar-se o creme anti-estrias. Este cuidado adicional é essencial, uma vez que os cremes anti-estrias têm na sua composição substâncias próprias que evitam a deterioração das fibras de colagénio e elastina, tornando a pele mais flexível, hidratada e homogénea, e preparando-a para as necessidades da gravidez. 

Estes mesmos cuidados não devem ser parados, mas antes acrescidos, depois de o bebé nascer. Sendo que no último trimestre de gravidez, e no primeiro mês após o parto, o creme anti-estrias deve ser aplicado duas vezes ao dia, para dar todos os nutrientes necessários à pele para ela estar, à partida, o melhor preparada possível para o estiramento inevitável que existe.

A escolha do creme, deve-se ter em conta a sensibilidade de cada pele, assim como o aroma, porque pode causar náuseas ás gravidas se for intenso.

Com estes cuidados, as vossas barriguitas vão crescer lindas e formosas… e encher-vos de muito orgulho.

Deixo algumas imagens de cremes

cremes.png

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D